e- revista
Marsala: a cor que vai pintar 2015

Esta é a Cor do Ano eleita pela Pantone para 2015. A Terra Vermelha conversou com alguns profissionais da área e traz algumas dicas de como explorar a cor

 

As cores pintam o nosso dia a dia. Transformam os cenários. Inspiram as artes, a decoração, a moda, a poesia, a literatura. Autoridade mundial nesse segmento, a Pantone, é conhecida pelo seu avançado sistema de pesquisa no processo de seleção, comunicação e controle das cores.

Há mais de 15 anos a empresa elege uma cor especial que vai protagonizar o ano. A cor escolhida influencia o desenvolvimento de produtos, as grifes da moda, o design industrial, o design gráfico, as tendências de decoração, bem como outros segmentos. Para contemplar a curiosidade de todos, recentemente, a Pantone revelou a cor que vai pintar 2015: esta cor é a Marsala, um tom terroso avermelhado, cujo nome é inspirado em um vinho da Sicília.

Para a Designer Fernanda de Oliveira, a cor causou surpresas e chegou dividindo opiniões, afinal, as cores lançadas nos anos anteriores eram bem mais vibrantes. Mas, ela aposta no potencial da cor: “a nova cor para 2015 possui uma sutiliza e elegância que vai ganhar espaço principalmente na decoração, área têxtil e também no design gráfico”, explica a designer que considera a Marsala um grande trunfo para qualquer material mais refinado no universo da criação.

Sendo uma cor protagonista, o Marsala vai inspirar as tendências. No cenário da decoração, por exemplo, a cor invade os ambientes e projetos de ornamentação. Por isso, a Terra Vermelha conversou com Melissa Gressler – Publicitária de formação, decoradora de interiores e exteriores por vocação – e traz algumas dicas de como usar (ou não) o Marsala na decoração. Confira a entrevista abaixo:

Terra VermelhaO que você achou da escolha da Pantone, elegendo o Marsala para a Cor do Ano 2015?

Melissa Gressler– O Marsala é uma cor versátil sim, quente, mas, não excessivamente vibrante. É bem aconchegante, temperada, quase outonal. Considero uma cor sofisticada e também, de certa forma, conectada ao natural, considerando que é uma cor que tem a terra, as flores, os frutos, os sabores e os aromas em sua composição.

É uma cor facilmente aplicável a móveis, paredes, tecidos e acessórios (como bolsas e sapatos). Também pode ser explorada na área de beleza e cuidados pessoais, como esmaltes para unha, batons, blushes e sombras para os olhos, tintas para cabelos, revelando uma mulher mais requintada e clássica em contraponto as cores “over” das temporadas passadas.

Terra Vermelha – Pensando na decoração de ambientes, de que forma podemos explorar a cor? Quais são as suas dicas?

Melissa Gressler –Penso que em decoração de interiores – e exteriores – tudo é permitido, mas, sempre com equilíbrio – como em todos os processos criativos. O uso de uma cor como a Marsala representa conceitualmente uma certa sobriedade, um toque clássico e nobre como o vinho que lhe dá o nome; é uma cor profunda, e tende a escurecer os ambientes, mas, com grande sensação de aconchego e calor.

Por conta disso, pode ser usada em apenas uma parede do ambiente – atrás do sofá, por exemplo – ou em locais de passagem ou de menor permanência (como hall de entradas e lavabos). Pessoas com receio em usar cores mais escuras ou marcantes podem começar com objetos menores: uma almofada, um vaso, um abajur, um tapete.

Lembrando: uma lata de tinta é a maneira mais rápida, barata e eficiente de renovar o décor da casa. Para áreas externas, um muro pintado com o Marsala valoriza imensamente as plantas verdes ou variegadas colocadas em frente, como cores contrastantes que são (verde X vermelho).

Terra Vermelha – Quais são os cômodos mais indicados para aplicar a Marsala?

Melissa Gressler – Como todas as cores derivadas do vermelho, a Marsala é uma cor de  energia e de apetite – quente, temperada. Logo, locais relacionados a alimentação, como cozinhas e salas de jantar são os mais recomendados para a aplicação da cor. A velha cristaleira da vovó laqueada com esta cor fica um luxo.

O segundo local ideal para aplicar a Marsala é na sala de estar, pela sensação de aconchego que ela proporciona – e se esta sala tiver uma lareira, melhor ainda. 

O sofá nesta cor é uma ousadia bem-vinda.

O Marsala talvez seja um dos poucos vermelhos que eu recomendaria para dormitórios, considerando que ele não tem a vibração dos outros vermelhos ou bordos, e nestes locais precisamos gerar mais relaxamento – por isso a predominância de cores como o verde, os azuis e os neutros.

Em dormitórios, o Marsala pode aparecer na parede junto à cabeceira, no próprio tecido da cabeceira ou em acessórios como mantas, almofadas e abajures. Para composições mais femininas, a cor pode ser combinada com um rosa suave e toques de pink. Para composições masculinas, cinza e preto. Para composições neutras, marsala, nude e marrom.

Terra Vermelha – Quanto às combinações, quais as cores que podemos usar junto com o Marsala?

Melissa Gressler – O Marsala tem uma base avermelhada, mas é uma cor “rebaixada”, menos vibrante. Em uma sala de estar, por exemplo, para alegrar, eu combinaria o Marsala com azuis claros, do turquesa ao azul céu, e uma pitada de amarelo mostarda. Se fosse uma combinação neutra, usaria o Marsala junto ao fendi (cor que transita entre o bege e o cinza) e os marrons bem fechados ou mesmo o preto.

Outra combinação interessante com o Marsala é o cinza médio (como um cimento queimado, por exemplo) e o laranja – este não muito vibrante. Fica bem contemporâneo.

Confira o esquema de combinações:

(Imagens: Melissa Gressler)