e- revista
Passo a passo de galáxia na garrafa de vidro

Aprenda a fazer esse objeto de decoração especial com as dicas da designer Fernanda Oliveira

 

 

“Que tristes os caminhos se não fora a mágica presença das estrelas”. É assim que o poeta gaúcho Mário Quintana, em Das Utopias, escreveu, em uma de suas muitas poéticas interpretações sobre a vida. E ele tem razão. Observar o céu em uma noite estrelada é um programa que deveria preencher mais espaços na nossa agenda diária. Uma imagem ali, gratuita e bela, repleta de pontinhos de luz dispersos no infinito, imensidão que vai muito além dos nossos olhos e imaginário.

Quando olhamos para o céu, a olho nú, a maioria das coisas que vemos, são parte da nossa Galáxia, a Via-Láctea, a qual abriga o Planeta Terra. “Uma galáxia é um ‘amontoado’ de estrelas que são ligadas gravitacionalmente, de modo a orbitarem um centro de massa comum. Uma Galáxia, como a Via Láctea (nossa Galáxia) contém cerca de 100 bilhões de estrelas”, explica o físico e professor Rogério Riffel, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Segundo ele, levantamentos revelam que existem mais de 100 bilhões de galáxias no Universo.

Além de física e astronomia, essa imagem celeste é fonte de inspiração. O artista holandês, Vincent Van Gogh, por exemplo, pintou em 1889, o quadro A Noite Estrelada, onde explora o céu estrelado como elemento para traduzir seus sentimentos da época.

Logo, por ter uma estética instigante, que tal reproduzir a ideia da galáxia na decoração de ambientes? É isso que a designer Fernanda Oliveira faz.  Desde 2014, quando recebeu uma de presente, ela “pinta” galáxias dentro de garrafas de vidro. “Sempre admirei as estrelas, o céu, as galáxias e quando vi que poderia ter uma só pra mim em uma garrafa, achei isso um máximo e pensei: quero várias”, conta. Fernanda explica que depois que aprendeu, começou a fazê-las para presentear amigos, familiares, tendo uma ótima receptividade. 

“As minhas galáxias acabaram se tornando um pequeno mimo para as pessoas que gosto e também um objeto de decoração diferente e personalizado. Para mim é tão misterioso e maravilhoso o Universo, acho que ali estão inúmeras possibilidades, o infinito. E acredito que é esse o significado que acabei criando para as galáxias na garrafa e adoro dividir isso com as pessoas”, confessa Fernanda.

Quer aprender a fazer uma? Para compartilhar essa ideia conosco, a designer preparou um passo a passo que explica em detalhes como você também pode fazer a sua galáxia. Confira:

...

 

 

MATERIAIS QUE VOCÊ VAI PRECISAR:

 

O legal de construir esta galáxia é que você pode reaproveitar garrafas de vidro, então ela é o componente principal, sempre busco olhar pra elas e imaginar uma galáxia dentro.

1.  Garrafa

Para fazer uma galáxia você precisa primeiramente de uma garrafa de vidro transparente, pode ser de qualquer tamanho e formato, o importante é que ela seja transparente para destacar as cores. Utilizei até agora garrafas de vinho, champanhe, sidra e aquelas garrafinhas de leite de coco, entre outras de bebida.  Já vi galáxias feitas em potes de vidro, mas em minha opinião elas ficam muito melhores nas garrafas, mas aí é você que escolhe!

2.  Rolha/tampa

Você vai ter que vedar a garrafa e para isso irá precisar de rolhas ou de algum tipo de tampa, eu prefiro as rolhas e caso consiga reaproveitar a da garrafa que escolheu (ótimo!), se não é só comprar rolhas avulsas (geralmente encontro em lojas de embalagens). Se a sua garrafa tem aquelas tampinhas de metal de rosquear, melhor ainda é só não jogar fora e reutilizar.

3. Algodão

Você vai precisar de algodão (branco de preferência), pode optar por um rolo ou se você achar melhor pode usar aqueles que vêm em saquinhos, já em bolinhas. Reserve uma boa quantidade, pois é ele que vai ajudar no efeito da galáxia e se sua garrafa for grande e mais “gordinha” mais algodão você irá usar.

4. Água

Ok, aqui não tem mistério, reserve uma jarra com água, não tenho uma quantidade exata, pois isso irá depender do tamanho da sua garrafa.

5. Tinta

A tinta você pode optar pela anilina, porém eu prefiro usar tinta de caneta. A tinta de caneta é ótima, ela não desbota só que é preciso ter cuidado, pois ela mancha. Recentemente obtive também um lindo resultado utilizando tinta aquarela. As cores ficam a cargo da sua imaginação já que as galáxias apresentam uma mistura de cores incrivelmente linda, então “se joga” e crie a sua. Mas se quiser iniciar comece somente usando a cor azul e trabalhe com seus tons. Depois na sua próxima vez utilize a cor azul e vermelha.

6. Glitter

Geralmente utilizo o glitter na cor prata que dá um efeito muito bonito na galáxia, apenas com a cor azul, você pode misturar também o glitter azul escuro que fica legal. Para uma galáxia com cores azul e vermelha, gostei de misturar glitter nas cores prata, dourado e azul escuro. Use a sua criatividade e faça misturas, descubra quais cores de glitter combinam com as tintas.

7. Copo descartável / papel toalha / palito de churrasco

Separe copos plásticos descartáveis para colocar a tinta e água, você irá utilizá-los para fazer a mistura da tinta e também para colocar a tinta na garrafa.  Reserve um rolo de papel toalha e palitos de churrasco (os maiores são melhores, mas caso não encontre você pode emendar dois pequenos). Estes palitos irão facilitar na hora em que for colocar o algodão para dentro da garrafa.

8. Seringa (opcional)

Um material que acho bem útil é a seringa, nas minhas primeiras galáxias não usei, mas depois percebi que ela ajuda bastante para direcionar a tinta/água para os locais que você deseja, controlando a intensidade da tinta e quantidade de água.

AGORA, MÃO NA MASSA...

Existem inúmeros tutoriais, principalmente vídeos que mostram o passo a passo de como fazer uma galáxia na garrafa, eu vi alguns até criar a minha própria forma de construção. Você pode seguir a maneira que achar mais fácil ou após observar os processos criar um só seu.

Passo 1: Escolher a garrafa, lavar e higienizar bem, pois não é legal ficar nenhum resíduo de bebida/alimento dentro dela, após isso deixe a sua garrafa secar bem.

DICA: para ajudar a retirar a cola que fica do rótulo você pode usar uma mistura caseira de bicarbonato de sódio com óleo de cozinha.  Você só precisa de 2 colheres de sopa de bicarbonato e 2 colheres de sopa de óleo, misture estes dois ingredientes, passe no local da cola com a ajuda de um algodão, deixe parado por uns 15min e depois é só retirar com um algodão (pode esfregar um pouco caso esteja difícil de retirar a cola). Após isso é só tirar o excesso da mistura com um papel toalha e lavar bem a garrafa para tirar o resíduo de óleo.

Passo 2: Algumas garrafas apresentam a validade/fabricação impressos diretamente no vidro e para retirar essas informações você pode utilizar acetona (para retirar esmalte), é só colocar um pouco em um pedaço de algodão e passar sobre as informações até retirar bem a tinta. Após isso, limpe novamente a garrafa por fora.

Passo 3: Se você for utilizar uma rolha para vedar a garrafa, deixe-a de molho em uma vasilha com água morna para que ela fique mais maleável, assim fica mais fácil na hora em que você for colocá-la na boca da garrafa. Enquanto isso você irá começar a montar a sua galáxia.

Passo 4: Forre com papel toalha o local que você irá usar, separe o algodão, os copos e as tintas. Em um copo coloque um pouco da tinta azul só até fechar o fundo, no outro coloque água até mais ou menos a metade do copo. Após isso, com cuidado derrame um pouco de água dentro da garrafa até formar uma pequena película de água no fundo.

Passo 5: Com a ajuda do palito de churrasco coloque um pequeno chumaço de algodão dentro da garrafa levando-o até o fundo e deixando ele umedecer com a água, tenha cuidado para não perder o seu palito dentro da garrafa.

Passo 6: Com a ajuda de uma seringa (se quiser) pegue um pouco de tinta e esguiche dentro da garrafa em cima do algodão que você já colocou, coloque a quantidade que preferir. Se quer mais escuro coloque mais tinta, se quer mais claro vá adicionando água.  É assim que você irá controlar a intensidade da cor das camadas.

Passo 7: Agora você irá colocar uma camadinha de glitter é só ir despejando devagarzinho dentro da garrafa para não derrubar tudo de uma vez. Não se preocupe se ele grudar nas laterais, depois você pode tirar com a água ou o algodão das próximas camadas.

Passo 8: Você já fez até agora as 4 camadas importantes que irão formar a sua galáxia. É só você ir seguindo a sequência: coloque o algodão, uma quantidade de água, a tinta e o glitter. Não tenha medo! A sequência não tem mistério e também não é fixa, vá acompanhando o resultado que esta alcançando e se em algum local ficou com pouca água adicione mais, se quer algum ponto mais escuro coloque mais tinta pura, se quer mais claro pode colocar água ou mais algodão e abuse do glitter nas camadas. Não se assuste se no momento em que colocar o algodão ou água o glitter sair do local você pode ajustar com o palito de churrasco as camadas.

Obs: Enquanto está montando as camadas algumas bolhas de ar podem se formar, com o auxílio do palito de churrasco vá ajeitando o algodão até que as bolhas se desfaçam e se for preciso coloque mais água. Caso fique alguma para traz não se apavore, é normal.

Passo 9: Vá construindo as camadas até chegar mais ou menos 1 a 2 dedos antes da boca da garrafa, se precisar adicione água misturada com um pouco de tinta para ajustar o nível. Lembre-se: deixe sempre um espaço interno para colocar a rolha na garrafa. 

Passo 10: Agora você precisa fechar sua garrafa, pegue a rolha que estava de molho na água morna e insira na boca da garrafa fazendo pressão até ela vedar bem, vá até onde conseguir empurrar, mas não precisa deixar a rolha no nível da boca da garrafa o legal é deixar ela um pouco pra fora mesmo!

Obs.: cuidado com o nível de água, sempre deixe um espaço sem líquido depois da rolha, se for preciso retire um pouco do líquido. 

DICAS: geralmente depois de vedada gosto de agitar um pouco a garrafa, assim consigo desmanchar algumas bolhas de ar e também misturar um pouco mais os materiais.

Limpe a sua garrafa por fora e se quiser presentear alguém pode colocar um lindo laço.

PRONTO! Você já tem a sua galáxia na garrafa.

Assista o vídeo a seguir que ilustra todo esse processo:

...

Gostou da dica da Fernanda Oliveira? Experimente você também construir a sua galáxia na garrafa de vidro e espalhe essas estrelas por aí, afinal, como diz Quintana, citado no início da matéria, elas alegram os caminhos. Faça a sua galáxia e mande pra gente ver como ficou, envie aqui nos comentários ou envie uma foto para o e-mail: atendimento@terravermelha.com.